As estacas de grande diâmetro executadas por perfuração a rotação podem atingir profundidades de até 70 metros.

Estacas escavadas

Na ocorrência de cargas elevadas, em obras de vulto N tal que justifique a mobilização do equipamento, o tipo de estaqueamento correntemente mais adequado é o de estacas de grande diâmetro moldadas “in loco”, com perfuração mecânica a rotação, e eventual emprego de lama bentonítica.

O uso desse tipo de estacas tem se difundido largamente pela facilidade e rapidez de execução e pela adaptabilidade a diversos tipos de terreno, bem como o seu imediato conhecimento visual. As estacas de grande diâmetro executadas por perfuração a rotação podem ser feitas junto a construções existentes, devido à total ausência de vibração, podendo atingir profundidades de até 70 metros.

Convém ainda lembrar que as estacas escavadas de grande diâmetro podem ser executadas em presença de lâmina d’água, o que ocorre em obras marítimas e em construção de pontes. Nesse caso, a escavação mecânica e a concretagem submersa são precedidas da cravação de camisa metálica por intermédio, em geral, de martelo vibratório. Os equipamentos, quando necessários, serão montados em plataforma flutuante (barcaças de convés chato). As camisas metálicas poderão ser perdidas ou recuperadas.


Metodologia executiva - Estacas em solo

Imagem: Execução de estaca escavada